terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Obesidade como doença

Fala bonitas e bonitos,
andei sumida pois a rotina de mãe, esposa, profissional não é mole não!!

Bueno, fiz uma bateria de exames de sangue, que ficaram prontos ontem e hoje pela manhã, conversando com a esposa de um cliente, que me falou que ele havia sofrido um AVC e está no hospital, me fez pensar bastante a respeito da minha vida atual.

Sim, embora meus exames tenham sido bons, meu peso na balança atesta uma coisa grave: Estou OBESA!

Sim, parece inofensivo, mas é a pura verdade, estou doente, tenho que me tratar, é tipo um dia após o outro!
Se tenho essa chance de correr atrás do prejuízo, não posso lançar mão em troca de comer um doce, minha paixão....ou qualquer comida calórica e nada saudável.

Segue abaixo só alguns pontos dos meus exames:
Minha glicose está normal: 84,0 mg/dL
Triglicerídeos: 86,0 mg/dL
Colesterol Total: 200,0 mg/dL
Colesterol HDL: 61,0 mg/dL

Embora tenham dados bons os resultados, a notícia de hoje me fez pensar...sou uma pessoa doente, tenho que encarar a comida como um vício que pode me prejudicar.

Por isso, já escolhi, quero e vou conseguir optar por alimentos saudáveis!

Acredito que quando se está doente, o primeiro passo é reconhecer a nossa fragilidade.

10 Coisas que Você Precisa Saber Sobre Obesidade

obesidade é uma doença crônica, que afeta um número elevado de pessoas por todo o mundo. Porém, opção por uma rotina alimentar saudável e a prática de exercícios físicos podem contribuir com a prevenção e tratamento. Confira abaixo as 10 Coisas que Você Precisa Saber sobre a Obesidade:
  1. obesidade é caracterizada pelo acúmulo de gordura corporal e pode acarretar graves problemas de saúde e levar até à morte. O Brasil tem cerca de 18 milhões de pessoas consideradas obesas. Somando o total de indivíduos acima do peso, o montante chega a 70 milhões, o dobro de há três décadas.

  2. Em muitos casos, a obesidade é diagnosticada através do cálculo do Índice de Massa Corporal(IMC). Ele é feito da seguinte forma: divide-se o peso (em Kg) do paciente pela sua altura (em metros) elevada ao quadrado. De acordo com o padrão utilizado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), quando o resultado fica entre 18,5 e 24,9, o peso é considerado normal. Entre 25,0 e 29,9, sobrepeso, e acima deste valor, a pessoa é considerada obesa.

  3. Existem três tipos de definições quando uma pessoa está acima do peso. O sobrepeso é quando há mais gordura no corpo do que o ideal para uma vida saudável. A obesidade se dá quando o acúmulo de gordura é muito acima do normal, podendo gerar até problemas graves de saúde. A obesidade mórbida é quando o valor do IMC ultrapassa 40. Nesse caso, o tratamento inicial além das mudanças de estilo de vida sempre inclui medicamentos e até cirurgia bariátrica pode ser recomendda.

  4. A obesidade é fator de risco para uma série de doenças. O obeso tem mais propensão a desenvolver problemas como hipertensãodoenças cardiovascularesdiabetes tipo 2, além de problemas físicos como artrosepedra na vesículaartritecansaçorefluxo esofágicotumores de intestino e de vesícula.

  5. A obesidade pode, também, mexer com fatores psicológicos, acarretando diminuição da autoestima e depressão.

  6. São muitas as causas da obesidade. O excesso de peso pode estar ligado ao patrimônio genético da pessoa, a maus hábitos alimentares ou, por exemplo, a disfunções endócrinas. Por isso, na hora de pensar em emagrecer, procure um especialista.

  7. Para o tratamento da obesidade, médicos podem usar fatores de risco e outras doenças para terem a noção da gravidade da situação do paciente. Por exemplo, apnéia do sono, diabetes mellitus tipo 2 e arteriosclerose são doenças que indicam a necessidade urgente de tratamento clínico da obesidade.

  8. A Lei 11.721/2008 determina que o 11 de outubro é Dia Nacional de Prevenção da Obesidade. A data havia sido criada, há cerca de dez anos, pela Federação Latino-Americana de Obesidade, porém reconhecida, em 1999, pelo Governo Federal e instituída no Brasil, na época, com o nome de Dia Nacional de Combate à Obesidade.

  9. A prevenção contra a obesidade passa pela conscientização da importância da atividade física e da alimentação adequada. O estilo de vida sedentário, as refeições com poucos vegetais e frutas, além do excesso de alimentos ricos em gordura e açúcar precipitam o aumento do número pessoas obesas, em todas as faixas etárias, inclusive crianças.

  10. Está comprovado que relacionamentos sociais e romances são menos frequentes entre obesos, já que eles saem menos de casa devido a diminuição da autoestima. Agora, uma vez existindo o relacionamento, a obesidade pode interferir no relacionamento sexual. Ela está relacionada à redução da testosterona, o que pode levar a redução de libido e a problemas de ereção nos homens. Já nas mulheres, existe uma redução dos níveis de hormônio feminino e aumento no nível dos masculinizantes. As mulheres têm aumento de pêlos, irregularidade menstrual e redução da fertilidade. As chances de todos esses problemas se resolverem, com uma perda de peso na ordem de 10%, são bem grandes.



quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Acabou a farra do boi!!

Fala lindonas e lindões,
a começar pelo título deste post vocês já devem imaginar o que vem por aí...

Sim, finde colado com feriado não fez bem pra mim!
Como assim cara pálida?
Sim , meninas, não fui forte o suficiente e jaquei, jaquei, jaquei: resultado, balança não sorriu para mim.

Deixa eu confessar uma coisa, uma verdade que todas sabemos e estamos cansadas de saber mas que não internalizamos: DIETA TEM QUE SER SAUDÁVEL, senão, faz mal!

Minha gente, todo mundo que está gordinha quer dormir gorda e acordar magra, concordam?
E comigo não foi diferente, escolhi voltar à Dieta Dukan, imaginando que em 4 meses ela me deixaria magra, linda e faceira.

Só que não é bem assim, dieta muito restritiva não fz bem à cabeça. Pelo menos para minha!
Fico firme até surgir algo que chuto o balde e jaco!

Sabemos que tudo nessa vida tem que ter equilíbrio e na alimentação e na saúde essa verdade também existe.

Por isso decidi: vou me alimentar bem, comendo frutas, verduras, gorduras boas, priorizando carboidratos integrais e evitando carboidratos refinados e açúcar.

Mas vocês me perguntarão, tá Lisiane, isso é chover no molhado, todas nós sabemos!

É verdade, sabemos mas não colocamos em prática, pelo motivo que queremos ser emagrecidas e não emagrecer.

Desde ontem comecei uma reeducação alimentar, semana passada já tinha consultado com minha nutri e decidi ouvir os conselhos dela...

Quem vem comigo?
bjs

quarta-feira, 9 de novembro de 2016

Receitinha: Iogurte grego

Bom dia lindonas e lindões,
como andam?
Por aqui tudo ótimo!
Cortando alimentos e pensamentos que me fazem mal e priorizando o saudável e a energia que renova a alma!!

Vou voltar a postar uma vez por semana uma receitinha!!
Hoje a receita é de iogurte grego que peguei do blog da Mimis,,,adoro as receita que ela compartilha!

Lá vai:

IOGURTE GREGO
Ingredientes:
– 2 litros de leite semidesnatado(pode usar leite sem lactose)
– 1 potinho de iogurte  integral (consitência firme) 170g aproximadamente
Modo de preparo:
Colocar o leite em uma panela e levar ao fogo. Desligar assim que ferver. Se formou uma película, descarte-a. Deixar esfriar até o ponto que você consiga colocar o dedo no leite e ele se mantém bem quente, mas sem queimar seu dedo. Se o dedo consegue ficar ali por 10 segundos tá no ponto.  Nesse momento, coloque o copinho de iogurte no leite e misture. Feche a panela e envolva-a com algumas toalhas, para mantê-la aquecida. Deixe  bem fechado por cerca de 8 a 10 horas em temperatura ambiente ou dentro do forno desligado. Se estiver muito calor, ele pode ficar pronto antes, ou seja, quando ele atingir a consistência, está pronto. 
Gente! Se o tempo estiver frio, a dica é ligar o forno antes de colocar a panela e deixar aquecer e desligar. Isso cria um ambiente quentinho para o iogurte “trabalhar” e se formar. Caso esfrie muito, retire o iogurte e aqueça novamente o forno depois de algumas horas e coloque a panela com ele desligado. Mas a temperatura deve ficar apenas morninha, ok?
Se você quer que ele fique com consistência de Iogurte Grego, basta fazer o seguinte:
O meu ficou assim:


Façam e me contem!!
bjs

segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Dia 5 PP: Venci o finde!

Fala galera!
Estou muito orgulhosa de mim!
Consegui vencer a barreira do final de semana!

Sim, eu consegui!!
E olha que ontem a família pediu pizza!
Mas continuei firme e forme: convicta a eliminar as gorduras existentes nas coxas, barriga, braços e culotes...

Faz tempo que eu não tinha essa sensação gostosa de ter as rédeas sobre a comida!
Coisa bem boa!

Abençoada semana e sigamos firmes!!

Aind anão mostrei aqui a minha família, após o nascimento do Pedro, mas segue fotinho do ensaio de new born, tirado com 8 dias de nascimento!

Hoje ele já está com 3 meses e 6 dias!
E é dia de vacina!!!
Tadinho, mas tem que tomar!!
bjs lindas e lindões



sexta-feira, 4 de novembro de 2016

Dia 2: PP

Bom dia sexta feira!

Olá lindonas e lindões, como estão??
Por aqui, tudo ótimo!

Querido diário:
Hoje é sexta feira...um perigo para quem está de dieta,,,
Sim, sempre consegui me manter na linha durante a semana, mas aí tem sexta, sábado e domingo...
Quem mais atola os pés na jaca no final de semana?

Não podemos!
Se não, nosso esforço vai por água abaixo!
(Acho que devo escrever 100 vezes essa frase para mentalizar e internalizar...kkk)
Bom, estou focada e perseverante no meu objetivo!

E contar de hoje, tenho 4 meses até o meu aniversário!
Vamo que vamo, ficar lindcha!

bjs e se cuidem

quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Dia 1: PP

Bom dia lindonas e lindões,
como andam por aí?

Querido diário,
como você sabe, fazem três meses que dei a luz a um menino lindo e saudável!
Como já estava gordinha quando engravidei, lutei de todas as formas para não engordar horrores na gestação.
E consegui!!
Engordei somente 5.3 kg!
Um feito enorme!!!

Bom, acontece que nesses três meses pós parto, eu acabei me permitindo comer muitas besteiras e comidas que me privei durante a gestação!

E sinceramente, não estou feliz com o meu corpo!
Parece que ainda estou grávida, pois minha barriga continua grande, embora eu já tenha perdido 3.8 kg.

Bueno, tentei de várias formas emagrecer, mas confesso que sem muita vontade!

E hoje, decidi retomar a Dieta Dukan com força total!
Sim, faltam 4 meses para o meu anoversário de 37 anos e estou decidida a emagrecer e estar muito elegante no meu aniversário.

Quem me acompanhar?
Vem comigo!

bjs

sexta-feira, 28 de outubro de 2016

SunStripping: a nova técnica de aplicar o blush

Oi lindas e lindões,
vim hoje compartilhar uma tendência que eu já aderi, e estou adorando: sunstripping! Vejam o que é isso!

Blush rosa é uma paixão feminina e o novo jeito de usar o produto promete fazer sucesso entre as brasileiras. O charmoso efeito corado que aparece no rosto logo depois de voltar da praia pode ser fielmente imitado com o tom certo e alguns truques na aplicação

É possível usar o rosinha queimado de sol tanto para as ocasiões mais informais quanto nas makes de festa. Conheça o charme dessa tendência que deixa qualquer mulher com a cara do verão, mas pode ser usada em todas as estações do ano para trazer um ar de saúde ao rosto.

Você passou o dia debaixo do sol e quando chegou em casa estava levemente queimada na região do nariz e das bochechas. Esse "coradinho simpático" no rosto é a nova tendência das passarelas internacionais e chega ao Brasil com tudo. Com o nome de sunstripping, que quer dizer faixa de Sol em inglês, a técnica nada mais é que usar o pincel para aplicar a maquiagem em uma linha reta no rosto.


Esse novo modo de aplicar o blush realça de maneira natural, com aquele efeito "acabei de voltar da praia". O segredo para o SunStripping é escolher o tom correto do bronzer ou do blush - alaranjados para peles mais claras e marrons para as mais bronzeadas e negras - e esfumar muito bem.